Empresas planejam retornar ao trabalho presencial e híbrido este ano

Sem comentários

O retorno aos escritórios começa a se desenhar em maior número e empresas brasileiras se preparam para colocar em prática os modelos híbridos de trabalho. É o que mostra uma pesquisa realizada entre o fim de julho e o começo de agosto com 81 empresas de vários setores.

O levantamento, da It’sSeg, corretora de seguros especializada em gestão de benefícios, indica que 62% das empresas planejam o retorno presencial dos funcionários ainda em 2021.

Desse total, 40% querem fazê-lo ainda neste mês de agosto, 12% em setembro, 24% em outubro, 16% em novembro e 8% em dezembro.

De acordo com Thomaz Menezes, presidente da It’sSeg.

“Desde o segundo semestre do ano passado, ocorreram várias tentativas frustradas de planejamentos para um retorno. A demora na disponibilização das vacinas e os indicadores de adoecimento, entre outras coisas, impossibilitaram para a maioria das empresas efetivarem o retorno presencial, mesmo que em um formato híbrido”.

O modelo híbrido, que mesclará a possibilidade de trabalho no escritório com home office, será realidade para 82% das companhias que planejam o retorno neste ano. Pouco mais de 15% afirmaram que irão voltar totalmente presencial e 2% que permanecerão em home office.

Na avaliação de Menezes, as relações pessoais sofreram grande impacto com o home office.

Considerando aquelas que pretendem voltar este ano, 89% disseram que irão adotar a obrigatoriedade do uso de máscaras, 85% criarão maior espaçamento nos ambientes, 85% medirão temperatura e 54% irão flexibilizar horários de trabalho.

Mais de 60% delas trabalham com uma estratégia de retorno gradativo – sendo que 35% estão analisando faixa etária, 34% área da empresa, 6% cargos e 14% grupos de risco e com comorbidades em sua força de trabalho.

Valor Econômico

RedatorEmpresas planejam retornar ao trabalho presencial e híbrido este ano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *